O primeiro objetivo do violonista que deseja tocar música é dominar um vocabulário de acordes. Para isso é necessário fazer com que a mão esquerda “decore” as diferentes posições. Isso leva algum tempo, mas quanto mais exercitar, mais fácil ficará. Então estude bem os Primeiros Acordes.

Vamos apresentar os acordes mais utilizados e básicos para iniciantes. Com eles é possível tocar a maioria das músicas populares.

Examine atentamente cada acorde e tente memorizar sua posição. Coloque um dado após o outro e teste se todas as cordas se estão soando normalmente.

Atenção se alguma nota ficar abafada ou “feia” veja se algum outro dedo está abafando as cordas com sons ruins.
Para se formar um acorde são necessárias no mínimo três notas. Qualquer combinação de 3 três notas ou mais são consideras  um acorde de algum tipo. Tirando os Power Chords que são muito usados na guitarra. (para frente vamos ver o que são).

Ao fazer cada acorde, vamos tentar verificar quais são as “notas” formadoras desse acorde, pois iremos precisar em nossas próximas aulas.

Por conveniência, vamos representar os acordes nesse site, iguais aos que aparecem na maioria dos sites de cifra, para você já ir acostumando.

Vamos aos dois primeiros e mais fáceis acordes que temos no instrumento.

Mi Maior – E

Primeira coisa que vamos observar é a explicação deste acorde. Seguindo a numeração dos dedos da mão esquerda veja onde os círculos pretos estão posicionados:

  • Dedo 01 na primeira casa, na corda Sol (G)
  • Dedo 02 na segunda casa, na corda Sol (A)
  • Dedo 01 na segunda casa, na corda Sol (D)

Os círculos da cor Laranja demonstram as cordas que você usará para fazer esse acorde. Note que a corda laranja preenchida é a primeira nota e mais importante do acorde que é a Nota Mi.

Vamos analisar  quais as notas que fizemos para construir esse acorde.

De baixo para cima.

  • •    Primeira Corda Solta – Nota Mi(E)
  • •    Segunda Corda Solta – Nota Si(B)
  • •    Terceira Corda dedo na primeira casa – Nota Sol Sustenido (G#)
  • •    Quarta corda dedo na segunda casa – Nota Mi (E) (Novamente oba!!!!)
  • •    Quinta corda dedo na segunda casa – Nota Si (B)(Novamente)
  • •    Sexta corda solta – Nota Mi (E) (De novo e a nota mais expressiva do nosso acorde)

Agora se te perguntarem, quantas e quais notas fazem o Acorde de Mi Maior, o que você irá responder?
São 3 notas, Mi(E), Sol Sustenido (G#) e Si (B).

Então o acorde de Mi Maior (E) é representado por estas três notas.

Mi Menor – Em

Vejam agora abaixo o acorde de Em. Bem parecido, mas tem uma nota diferente. Veja qual é:

Se você conseguiu notar que a única nota diferente foi o Sol (G) que no acorde maior é sustenido (G#) e no acordo menor é o Sol (G) natural ótimo, você está no caminho certo. Senão reveja nossa aula 08 – Notas no Braço.

Só para adiantar as aulas que iremos ter, faça as duas notas E e Em simultaneamente e veja se consegue diferenciar o som de uma e outra. (Isto nós veremos na aula de Formação de Acordes).

Só mais uma característica dos acordes é que você deve prestar atenção quando aparecer um X, quer dizer que esta corda não deve ser tocada.


Agora vou passar uma lista de acordes para, que inicialmente você decore os nomes e tente identificar todas as notas.

Segue a lista:

Mi Maior com Sétima – E7

Mi Menor com Sétima – Em7

Lá Maior – A


Ré Maior com Sétima – D7

Sol Maior (G)

Lá Maior com Sétima – A7

Ré Menor (Dm)

Sol Maior com Sétima (G7)

Lá Menor (Am)

Dó Maior (C)

Si Maior com Sétima (B7)

Ré Maior (D)

Dó Maior com Sétima (C7)

Fá Maior (F)

Primeiros Acordes

Deixe uma resposta